• Folha de Jaraguá

Sindiaçougue aponta queda de até 12% no preço da carne em Goiás

18/10/2021 (20hs21m) O preço da carne em Goiás caiu, para o alívio dos consumidores. É o que aponta o Sindicato do Comércio Varejista de Carnes Frescas no Estado de Goiás (Sindiaçougue), que disse ter havido uma queda de até 12% no preço do quilo de alguns cortes bovinos. Segundo a entidade, o barateamento está ligado à interrupção das exportações para a China, o que fez com que a oferta interna aumentasse.


O presidente do Sindiaçougue, Silvio Yassunaga, confirma ter havido uma redução no preço do arroba do boi nos últimos dias, o que acabou refletindo no preço que chega aos consumidores. Segundo Yassunaga, o preço médio do quilo de alguns cortes como alcatra e contrafilé, por exemplo, caiu de R$ 44,90 para R$ 39,90 – redução de mais de 11%.


Já outros cortes como músculo e acem teve uma queda de 12% – enquanto na última semana o quilo dessas carnes podia ser achado a R$ 33, hoje elas já podem ser compradas por R$ 29, aponta o presidente do Sindiaçougue. A redução dos preços tem explicação.


No mês passado, o Brasil interrompeu, voluntariamente, a exportação de carne para a China no mês passado depois da confirmação de dois casos da doença da vaca louca em duas fábricas distintas do setor. O fato impactou diretamente no mercado interno.


“Com essa interrupção das exportações de carne pra China, o mercado hoje está oferecendo mais do que a procura e isso já influenciou nos preços das carnes”, pontua Yassunaga.


Preço da carne x Exportações para a China


A China foi responsável por 59,5% das exportações de carne de Goiás em agosto de 2021. O dado é do Comex Stat do Ministério da Economia, que apontou que além da China, Goiás exportou o equivalente a 564,4 milhões de dólares para países como Tailândia, Estados Unidos, Chile, Holanda e Portugal. O resultado foi impulsionado principalmente pela venda de carnes e soja.


Conforme os dados da Comex Stat, divulgados pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Goiás (Seapa), os mais de 560 milhões de dólares em agosto correspondem a 72,5% do total das vendas externas do estado. No mês em questão, as vendas de carnes alcançaram 227,1 milhões de dólares (40,2%), e o complexo soja chegou a 221,9 milhões de dólares (39,3%).


  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif