Concluído inquérito da morte de Silvanio Aquino. Autor continua foragido

A Polícia Civil de Jaraguá, concluiu o inquérito de um crime que ocorreu no dia 20 de junho 2020, quando o corpo de Silvanio de Aquino Ferreira foi encontrado em sua propriedade rural localizada em São Francisco de Goiás. Em conversa com os peritos, restou configurado que a vítima foi morta com mais de 30 facadas. Após dezenas de diligências, a Polícia Civil de Jaraguá concluiu o Inquérito na quinta-feira, 17 de setembro 2020.


Um dos autores, Marcos da Silva, foi preso em virtude de prisão temporária e, em seu interrogatório, confessou em detalhes como tudo ocorreu e delatou o seu comparsa. O comparsa, identificado como Wenderson Oliveira da Silva (26 anos), tem mandado de prisão aguardando o cumprimento e está foragido.


Marcos e Wenderson eram amigos da vítima, inclusive, frequentavam a chácara dela. Mas no dia dos fatos, resolveram roubar o próprio amigo Silvanio já que este tinha o costume de mostrar muito dinheiro aos amigos. No local, mesmo com os rostos cobertos, eles foram reconhecidos e, então, diante do reconhecimento, resolveram esfaquear a vítima até a morte.


No dia do crime, Silvanio ainda emprestou cem reais ao Wenderson. O crime comoveu a cidade de São Francisco de Goiás, já que a vítima era extremamente querida e já tinha exercido cargos políticos. Os dois foram indiciados pelo crime de latrocínio. A Polícia Civil de Jaraguá realizou inúmeras diligências no sentido de prender Wenderson, porém, foram infrutíferas. A Polícia solicita informações da sociedade para cumprir o mandado de prisão de wenderson.



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif