• Folha de Jaraguá

Flexibilização do comércio em Goiás é mantida com apoio de 17 prefeitos

19/05/2020 - Em reunião com representantes de 32 cidades com quadro mais preocupante no combate ao coronavírus, o governador Ronaldo Caiado (DEM) ouviu na segunda-feira (18) a maioria dos prefeitos defendendo a permanência da flexibilização das medidas de isolamento, com funcionamento da maior parte das atividades econômicas. Sob alegação de baixo índice de contaminação, leitos vagos ou fiscalização adequada, 17 deles manifestaram ser contrários a medidas mais restritivas no momento. Apenas 1 disse que cogita reduzir a flexibilização.


A videoconferência ocorreu depois de o governador fracassar na tentativa de baixar novo decreto de retorno às medidas de março, de maior isolamento social, na semana passada. Em discurso de abertura do encontro, que foi transmitido nas redes sociais, Caiado disse que queria ouvir propostas de como o Estado pode contribuir com os municípios. “No momento em que o vírus foi politizado, e não foi por mim, eu me curvo à decisão de prefeitos. O Estado se propõe a auxiliá-los”, afirmou.


Por quase cinco horas, o governador ouviu relatos sobre o número de casos, a estrutura hospitalar de cada cidade e as compras recentes, mas poucas sugestões de medidas. Além das cidades com maior número de habitantes e com mais casos confirmados de coronavírus, foram incluídas as turísticas, por conta do fluxo de visitantes que recebem.

A proposta do governador era firmar um “acordo urgente” para garantir o distanciamento social no Estado e evitar que o sistema de saúde entre em colapso, mas não houve a definição de qualquer medida concreta na reunião.

O governador repetiu por várias vezes que é preciso resistir às pressões e “segurar” mais as restrições. “Seja cauteloso, espere um pouco mais”, afirmou.


Aos prefeitos que falaram da preocupação com a economia e o desemprego, ele afirmou que a prioridade é a saúde. “Vamos atravessar o problema e depois nós recuperamos a economia”, disse o governador.


Na chamada do governador, cinco prefeitos não responderam: Catalão, Goianésia, Pirenópolis, Professor Jamil e Uruaçu.


  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
radar novembro 2020.gif
Webbanner-300-x-600-px-A.gif
Webbanner-300-x-600-px-B.gif
Webbanner-300-x-600-px-C.gif
Webbanner-300-x-600-px-D.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá