• Folha de Jaraguá

Aposentado associado à Jarapax há 29 anos, cobra isenção igual à dada a vereador

20/05/2022 (10hs40m) - O aposentado Antônio Francisco, procurou a Rádio Sucesso FM, na quinta-feira, 19/05, para denunciar que não conseguiu da empresa funerária Jarapax a isenção de pagamento, mesmo após pagamento o plano funerário por 29 anos sem usa-lo. Há duas semanas o vereador Sinval Felix (PSDB) anunciou na tribuna da câmara que obteve a isenção do empresário Zecão Paes, após atingir 20 anos, o caso ganhou grande repercussão, porque os vereadores vão votar a quebra do monopólio funerário e a abertura de mais concessões.


No inicio dessa semana, Zecão Paes também em entrevista a Rádio Sucesso, negou que esteja fazendo looby político (atividade de pressão por interesse) junto aos vereadores em beneficio de sua empresa. E disse que além do vereador Sinval Felix também entregou carta de isenção ao vice-prefeito Leomar Abadia Cardoso (PTB), porque eles têm o direito de isenção, como qualquer outra pessoa que cumprir as regras do plano.


Questionado, porque algumas pessoas alegavam que já tinham mais de 20 anos de pagamento sem usar o plano e não tinham recebido o beneficio, o empresário disse que isso não era verdade e que todos que supostamente estivessem nessa situação poderia procurar a Jarapax que seriam ressarcidos. Segundo Antônio Francisco, há dois anos ele luta para ter a isenção e não conseguiu, ele inclusive apresentou a documentação datada de 1993, ou seja, tem 29 anos que paga o plano funerário e já deveria ter sido isentado a 9 anos.


Por hora, Antônio Francisco disse que descarta entrar na justiça, afirmou que irá procurar o empresário Zecão Paes mais uma vez para tentar resolver a situação. A Jarapax ainda não se manifestou sobre o assunto. O espaço fica em aberto.




  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
CAMPANHA IPTU.jpg
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif