• Folha de Jaraguá

Vereadores relatam manobra para atrasar projeto de concessão de novas funerárias em Jaraguá

08/06/2022 (09hs39m) - O projeto de lei que irá quebrar o monopólio funerária em Jaraguá vem sendo alvo de manobras na câmara municipal. Já era para o projeto estar aprovado, no entanto o documento já foi retirado, trocado o texto com isso foi atrasado nas comissões e sequer as audiência públicas foram feitas sendo que a concessão vencerá dia 09 de junho.

O vereador Luiz Macaúba (PSB), disse que a partir do dia 10, qualquer empresa funerária poderá trabalhar em Jaraguá porque não existirá mais regulação do serviço no município, por falta de atualização da lei e contratos. Ele é contra fazer aditivo.

“Qualquer empresa pode chegar em Jaraguá, pegar um cadáver e enterrar e ninguém pode falar nada. Porque não há regularização, no meu entendimento jurídico e político, quando termina, acabou, não há prorrogação de contrato” disse Macaúba.


Marcos Piaba (MDB) disse que o projeto ficou parado por 15 dias só na presidência da casa. “Isso esta se arrastando com um entra e sai desse projeto” disse.


O vereador deu a entender que o objetivo é forçar um aditivo para beneficiar a atual empresa “Eu sou contra fazer aditivo para o serviço funerário” pontuou



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
CAMPANHA IPTU.jpg
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif