• Folha de Jaraguá

Traficante é preso pelo GPT em Jesúpolis com crack e cocaína

22/01/2021 (16hs20m) - A equipe do GPT, após obter informações que em um endereço localizado no município de Jesúpolis, um homem estaria utilizando sua residência para vender drogas, a equipe então se deslocou até ao local, onde foram recebidos pela esposa do suspeito, que informou que seu marido estava em uma fazenda próxima à Jesúpolis.

Questionada se havia drogas na residência, ela franqueou a entrada em sua residência relatando que sabia que o seu esposo vendia drogas, mas que não sabia onde ele guardava. Foram encontrados no quintal em meio a uma pilha de tijolos com um fundo falso, uma sacola contendo 4 porções grandes de Crack pesando aproximadamente 150 gramas, além de uma garrafa pet com mais 138 pedras, acondicionadas em papel alumínio prontas para o comercio,pesando aproximadamente 65 gramas.

01 porção maior embalada em papel alumínio de cocaína com peso aproximado de 132 gramas, varias embalagens de zip lock utilizada para embalar cocaína, uma balança de precisão, dois rolos de plastico filme e um rolo de papel alumínio que também eram utilizados para embalar a droga para o comercio.

Após encontrar o material ilícito, a esposa levou PM até o local onde marido se encontrava, momento em que deparou-se com o homem em uma estrada vicinal próximo à Jesúpolis. Após busca pessoal foi encontrado um montante de dinheiro trocado totalizando R& 155,00.


Questionado sobre a venda de drogas em sua casa, houve a confirmação e que cada porção de crack era vendida pelo valor de R$ 20,00 o que renderia R$ 2.760,00 e a cocaína ainda não havia estipulado o valor.


Questionado sobre a origem dos entorpecentes, disse que pegou para revender e que repassaria R$ 5.000,00 para seu fornecedor porém se recusou a dizer quem seria. A droga após ser comercializada renderia um total de RS 16.000.



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

© Copyright 2006 - 2021 Folha de Jaraguá