• Folha de Jaraguá

Traficante é morto em confronto com policiais da CPE de Goianésia

29/12/2021 (06hs14m) - No início da noite de terça-feira, 28/12, um homem morreu (Maurício Cipriano Gomes, de 38 ano) durante confronto com policiais da Companhia de Policiamento Especializado - CPE de Goianésia. Um segundo envolvido conseguiu fugir se embrenhado em um matagal.

O confronto teria ocorrido na Zona Rural da região do São Bento, entre 15 e 20 km de Goianésia, por volta das 18h30. Os policiais chegaram aos suspeitos depois de receber informações de que dois criminosos estariam realizando tráfico de drogas na região do São Bento.


As equipes da CPE iniciaram patrulhamentos, quando se depararam com um Celta prata em atitudes suspeitas, o motorista do veículo percebeu a presença da viatura tentou empreender fuga, desobedecendo todas as ordens de parada, iniciando assim uma perseguição.


O motorista perdeu o controle do veículo, sendo forçado a pará-lo. Os dois ocupantes desceram do carro e começaram a realizar disparos de arma de fogo contra os policiais na tentativa de fugirem, mas os PM’s revidaram, e um deles acabou sendo alvejado, o outro conseguiu fugir.


Por se tratar de local sem sinal de rádio ou telefone, o suspeito alvejado foi socorrido inicialmente por uma equipe da CPE e conduzido em direção ao Hospital Municipal Irmã Fanny Duran, mas durante o trajeto, os policiais conseguiram contato com o Corpo de Bombeiros que deslocaram ao local e fizeram o transporte do traficante, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.


No veículo que os suspeitos estavam, os policiais encontraram três tabletes de maconha, pesando aproximadamente três quilos. Os militares ainda realizaram a apreensão do veículo, e um revólver calibre 38, com três munições deflagradas e duas picotadas, que estava em poder do suspeito que foi alvejado.


Identificado como Maurício Cipriano Gomes, de 38 anos, de acordo com a polícia, ele seria o autor de vários homicídios na cidade de Pirenópolis, relacionados a disputa pelo domínio do tráfico de drogas. Ele ainda possui passagens por roubo e tráfico de drogas. No início de 2019 ele foi preso, juntamente com outras três pessoas, durante uma operação da Polícia Civil de Goianésia que contou com o apoio das Polícias Militar e Civil de Pirenópolis. À época, a polícia informou que o quarteto era suspeito de integrar uma quadrilha especializada em pistolagem na região.


informações Meganésia



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif