• Folha de Jaraguá

Morre o humorista Jotinha o Rei do WhastApp, vítima de Covid

05/11/2020 - Morreu na quinta-feira (05/11) o radialista e humorista José Luiz Almeida da Silva, conhecido como Jotinha. De acordo com UOL Notícias, ele foi vítima de uma falência de múltiplos órgãos, causada pela covid-19. Ele tinha 52 anos. A informação da morte do artista foi confirmada por Fábio Vilas-Boas, secretário estadual da Bahia, estado-natal de Jotinha.


“É com muito pesar que recebi a notícia do falecimento do nosso @jotinhadobahea de falência de múltiplos órgãos, ocorrida há pouco, em consequência da COVID19. Meus sentimentos à família enlutada e a todos que o admiravam”, escreveu o secretário.


Jotinha era muito conhecido como o "Rei do WhatsApp", fazendo enorme sucesso na internet. Tirullipa, grande amigo do humorista, solicitou ao secretário Vilas-Boas pela manhã uma ajuda para conseguir transferi-lo do Hospital Incar, em Santo Antônio de Jesus, para um hospital público.


A campanha do filho de Tiririca tentava a transferência, visto que a família do radialista não tinha condições de mantê-lo internado em uma instituição particular, com diária custando cerca de R$ 23 mil.


FAMA NO WHATSAPP

Os áudios de Jotinha ficaram famosos no Brasil inteiro. Nele, o humorista usava o bordão "papá", e se tornou uma febre de uns anos para cá. Ele era amigo de várias celebridades -- entre eles, o jogador de futebol Neymar.


Ele chegou até mesmo a ser garoto propaganda do Bahia, seu time do coração. Jotinha participou de diversas ações do clube nas redes sociais. Quando o artista foi internado, o time publicou uma mensagem desejando força e melhoras a ele.




Fonte: Uol Notíticas

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá