• Folha de Jaraguá

Homem é condenado a indenizar PM de Goiás após chamá-lo de “preto macaco’,

20/05/2022 (06hs43m) - Um homem foi condenado a indenizar um policial militar após chamá-lo de “preto macaco” várias vezes durante uma abordagem em Americano do Brasil.


O sargento Django Rodrigues da Silva, do 48º Batalhão de Polícia Militar (BPM), disse que decidiu expor o caso para estimular que mais vítimas denunciem.


“O conselho que eu dou é que você denuncie, vá na delegacia mais próxima, para que essa pessoa que fez isso pague pelo crime praticado”, disse o policial.


O crime aconteceu no dia 14 de maio de 2016. Já a decisão que definiu a indenização em R$ 1.760,00 foi proferida no dia 7 de maio deste ano.

Na época do crime, o boletim de ocorrência narrou que a PM tinha sido chamada para uma ocorrência de um rapaz que estaria quebrando o portão de uma casa. Quando a equipe da PM chegou ao local, o suspeito estava visivelmente transtornado e disse que tinha brigado com a mulher.


O sargento Django, que na época era cabo, e outro PM que também atuou na ocorrência, orientaram o homem a conversar com a companheira no dia seguinte, já que estava nervoso.

Nesse momento, o homem começou a xingar o sargento de “preto” várias vezes, momento em que foi puxado pela sua mãe e sua avó e, por isso, a PM não conseguiu o prender na hora.


Até a última atualização desta reportagem, a reportagem não conseguiu localizar a defesa do homem condenado por injúria racial para que se posicione. G1Goiás



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
CAMPANHA IPTU.jpg
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif