top of page

Aneel aprova reajuste médio de 7,22% na conta de energia elétrica em Goiás

18/10/2022 (20hs45m) - A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta terça-feira (18), reajuste médio de 7,22% na tarifa de energia que é cobrada dos clientes da Enel Goiás. O reajuste, que passa a vigorar em 22 de outubro, terá efeitos distintos conforme a classe de consumidores. A distribuidora goiana atende 3,26 milhões de unidades consumidoras no estado. Recentemente, ela foi vendida à Equatorial Energia.


De acordo com a Aneel, consumidores ligados a baixa tensão, como pequenas e médias empresas e consumidores rurais, perceberão um aumento tarifário de 5,81%. Enquanto os consumidores ligados a alta tensão, como grandes empresas, terão impacto de 10,84%.


Os consumidores residenciais, que representam 86% dos clientes da Enel Goiás, terão aumento de 4,82%. Esses clientes, que até então pagavam R$ 0,637/kWh na conta de energia, passarão a pagar R$ 0,671/kWh


A medida foi aprovada durante uma reunião da diretoria colegiada da agência. A Aneel afirma que a principal influência para definir o reajuste foram os custos como para compra, transmissão e distribuição de energia, além dos encargos setoriais e dos efeitos financeiros.


Para atenuar os efeitos do reajuste, a Aneel aplicou créditos da devolução do PIS/Cofins, bem como recursos da CDE/ Eletrobras relacionados à modicidade tarifária e do bônus da Conta de Comercialização de Itaipu.




  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
ACIJ.png
laclin.JPG
PATROCÍNIOS
midia-top-2022.gif
webbanner-728x90px.gif
bottom of page