By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá

PATROCÍNIOS

Com dividas trabalhista Brasil Construtora suspende coleta de lixo em Jaraguá

A empresa Brasil Construtora responsável pela coleta de lixo na cidade de Jaraguá, voltou a paralisar as suas atividades. A alegação é a mesma desde o inicio do contrato em 2017, ou seja, falta de pagamento por parte da prefeitura. O Secretário de Finanças do Município, Wilson Martins não atendeu as ligações para informar a situação. Para a cidade não virar um caos, o Secretário de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano, Werlon Coró acionou equipes para fazer com caminhões carga seca o recolhimento emergencial. As informações são que a Brasil Construtora está beira da falência, com dividas trabalhistas e bloqueio.

 

Ninguém responsável pela empresa de coleta de lixo atendeu as ligações da nossa reportagem. As informações que chegaram a nossa redação, são de que existem várias ações trabalhistas contra a Brasil Construtora, onde ela fez acordo e não cumpriu nenhum, assim o juiz teria mandando uma determinação de bloqueio de valores que ela deveria receber para que fosse depositados em uma conta judicial para ser repassado aos reclamantes das ações.

 

De acordo com um e-email, encaminhado a Folha de Jaraguá, a empresa não tem solvência pra se manter sem os reparasses da prefeitura e avaliação é de que as coisas podem piorar. O contrato entre a empresa e a prefeitura venceu em agosto de 2019, foi feito um termo aditivo ao contrato até que seja realizado o novo certame.

 

O contrato da Brasil Construtora foi marcado por diversas paralisações e transtornos para a população, pela suspensão dos serviços, com a alegação de que era necessário a prefeitura regularizar os pagamentos atrasados. Na primeira licitação em julho de 2017, realizada no tipo de menor preço - a proposta vencedora foi vantajosa para a Administração, o teto inicial proposto no edital era de acordo com a planilha de resumo de valores de R$ 262.724,59 mensais.

 

As empresas interessadas foram baixando os valores até chegar a R$ 165.000,00, porém o valor proposto pela empresa Brasil Construtora e Serviços Ltda. – ME. De acordo com a chefe do setor de licitações, na época, a empresa apresentou uma redução de 5% sobre o valor final, terminando a proposta em R$ 156.800,00 mensais, mas com os reajustes ao longo do contrato o valor já passa de 200 mil mensais.

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
petro-arabe2-17-8.gif
GIF-JARAGUA.gif
DT4997-Banner-190x250px.gif