By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá

PATROCÍNIOS

Polícia Civil recupera 157 cabeças de gado após golpe de estelionato a fazendeiros

Policiais Civis de Ceres, com apoio da 16° DRP, coordenados pelo Delegado Matheus Costa Melo, recuperam 157 cabeças de gado, avaliados em R$ 230 mil reais, após golpe praticado por estelionatários em três fazendeiros de Ipiranga e Uruaçu.

 

Após tomar conhecimento de três crimes de estelionato praticados contra fazendeiros de Ipiranga e Uruaçu, policiais civis empreenderam diligências e identificaram Vandeir José de Souza, vulgo "Salgadinho", e Pedro Barbosa dos Santos, como suspeitos de aplicar golpes no valor de aproximadamente R$ 600.000,00 (Seiscentos mil reais).

 

De acordo com as investigações, os suspeitos adquiriram mais de 300 (trezentas) cabeças de gado das vítimas e repassaram cheques sustados e/ou sem fundos, resultando em um prejuízo aproximado de R$ 600 mil reais.

 

De acordo com o delegado Matheus Costa Melo, após um trabalho de investigação, equipes da polícia Civil localizaram uma fazenda, situada no Município de Taquaral - GO, de propriedade de Pedro Barbosa dos Santos, utilizada para esconder o gado produto de crime.

 

Na manhã do último dia 27 de julho, foi desencadeada uma grande operação, que culminou na recuperação de 157(cento e cinquenta e sete) cabeças de gado, raças Abeerden Angus e Senepol, avaliados em R$ 230 mil reais, encontrados na fazenda de Pedro Barbosa.

 

O delegado salientar que Pedro é suspeito de outros crimes e se passa por Juiz de Direito, visando intimidar vítimas e testemunhas e garantir impunidade. Na comarca de Crixás, já respondeu pelo crime de falsa identidade, ocasião em que se passou por juiz federal dentro do próprio fórum local.

 

Durante a operação, segundo o delegado, apenas o caseiro da fazenda, que não recebe há 4 (quatro) meses, foi encontrado e conduzido à Delegacia de Taquaral para prestar esclarecimentos.

 

A Polícia Civil trabalha agora para localizar e prender os autores, que encontram - se foragidos da região após a prática dos golpes. Outras possíveis vítimas devem procurar as delegacias do Estado para registrar os fatos.

 

Participaram da operação os policiais civis Wliana, Lourenço, Edmar(Mutia), Wilsomar, Fabio, José Carlos e Murilo (DP de Taquaral). Informações do delegado Matheus Costa Melo.

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
petro-arabe2-17-8.gif
GIF-JARAGUA.gif
DT4997-Banner-190x250px.gif