By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá

PATROCÍNIOS

Duas pessoas são detidas suspeitas de receptação de combustível em Goianésia

Após a Polícia Militar receber denúncia anônima de que na Rua 27, Bairro São Cristóvão, um senhor estaria vendendo combustível, tipo diesel, de origem clandestina, uma equipe de policiais deslocou ao endereço onde se depararam com Anésio Martins de Oliveira, de 73 anos, com a ajuda de uma terceira pessoa, abastecendo um caminhão Cargo 1517 prata com galões de combustível através de um funil, e ao lado do veículo seu condutor, que seria o motorista do caminhão, aguardando que o veículo fosse abastecido.

 

Os policiais observaram que no local havia vários galões cheios de combustíveis e ao indagarem Anésio sobre os galões de combustíveis, ele confirmou à equipe que vendia combustível e galões vazios, porém, não soube informar a origem do combustível, dizendo somente que realizava a compra de combustível de uma pessoa chamada "Edson".

 

Segundo a polícia, percebendo a chegada dos policiais, Vagner Valadares Oliveira, de 25 anos, rapidamente chegou ao local juntamente com outras pessoas, e pouco tempo depois o proprietário do caminhão também compareceu no local, sendo que Vagner (neto de Anésio), quando na chegada ao local, estava aparentemente nervosos e relatou aos PM’s que armazenava o combustível para consumo próprio.

 

A polícia informou ainda que durante a averiguação foram encontrados mangueiras para manuseio de combustível, 01 bomba de extração de combustível, 01 caderneta de anotações, 02 funis, aproximadamente 37 galões de 20 litros cheios de combustível, 01 um galão de 30 litros cheio de combustível e também aproximadamente 21 galões de 30 litros vazios.

 

Diante da situação, pois já existem várias ocorrências de furto de combustíveis nas usinas de Goiánesia, o delegado Marco Antônio Maia foi acionado e compareceu no local juntamente com os peritos da Polícia Científica de Ceres para realizar os procedimentos. Após perícia, o caminhão foi liberado para seu proprietário, que também foi liberado no local, porém, um veículo VW/7.90 S foi conduzido para a delegacia de polícia juntamente com todo o material apreendido.

 

Cinco pessoas foram levadas para a delegacia para esclarecer a situação de cada envolvido e procedimentos cabíveis, no entanto, de acordo com o delegado que investiga o caso, Marco Antônio Maia, apenas Anésio Martins e Vagner Valadares, serão indiciados por receptação, os demais foram liberados.

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
petro-arabe2-17-8.gif
GIF-JARAGUA.gif
DT4997-Banner-190x250px.gif