top of page

SEMAD retira duas pick-ups cheias de lixo deixados por visitantes na Serra de Jaraguá

13/03/2023 (16hs49m) Um dos pontos mais visitados de Jaraguá, o Parque Ecológico Estadual da Serra de Jaraguá, precisa ser preservado pelos próprios turistas que visitam o local. Apesar das placas pedindo a colaboração dos frequentadores, nem todos fazem sua parte e deixam para trás muita sujeira e lixo.


Eduardo Midzan que faz parte da equipe da SEMAD (Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável) lamentou o que vem ocorrendo “É triste essa falta de consciência de alguns frequentadores com a nossa Serra de Jaraguá” disse.


No domingo 12/03, ele junto com um funcionários da Semad, retiram o equivalente a duas pick-ups cheias de lixo deixados por visitantes na Serra de Jaraguá, sendo os pontos mais críticos, a rampa do parapente e a área das torres. “Encontramos, sobretudo, garrafas de água, refringentes, bebidas alcoólicas, marmitex de isopor. Todo o material foi separado e o restante nós levamos para o aterro sanitário” explicou.


O PARQUE

O Parque Ecológico da Serra de Jaraguá (PESJ) é uma área de proteção ambiental entre Jaraguá e São Francisco de Goiás. Foi criado por lei estadual em 1998 e teve sua delimitação estabelecida no ano de 2012. Em 2015 teve o seu nome alterado assim como a sua área de abrangência e limites.


Abrange uma área delimitada de 2 828 hectares, além do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) ter dois sítios arqueológicos identificado e registrados no parque. | Informações Folha de Jaraguá



コメント


  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
ACIJ.png
laclin.JPG
PATROCÍNIOS
midia-top-2022.gif
bottom of page