top of page

Ex-cabeleireira de Dilma ganha cargo na EBC com salário de R$ 11,2 mil

12/01/2023 (10hs29m) - Uma ex-cabeleireira de Dilma Rousseff, que atuou durante a campanha presidencial de 2010, ganhou um cargo comissionado na Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Márcia Westphalen foi nomeada em abril de 2023 para exercer a função de coordenadora de viagens/gerência de transportes no órgão em Brasília.


Como integrante da Diretoria de Administração e Finanças da EBC, Márcia Westphalen recebe, bruto, R$ 11,2 mil por mês. Com os descontos obrigatórios, o salário dela fica em torno de R$ 8,5 mil.


A ex-cabeleireira de Dilma é uma velha aliada do PT e, após a primeira campanha de Dilma, foi abrigada em alguns cargos do partido. Em 2010, trabalhou na transição do governo Lula para o governo Dilma, com salário de R$ 6,8 mil (algo em torno de R$ 17 mil em valores atuais corrigidos pelo IGPM) para ser secretária da equipe de transição.


Quando a Folha de S. Paulo descobriu, em 2009, que ela tinha trabalhado na campanha de Dilma como cabeleireira, Márcia desconversou e afirmou que sua relação com as tesouras era temporária. Quase um bico.


“Havia trabalhado em um salão durante um período curto, que não chegava a cinco meses, em uma época de crise financeira, mas que aquela nunca foi minha atividade principal”, disse Westphalen na época.


Durante os governos petistas ela conseguiu se abrigar em outras áreas, como na Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). Na Apex, ela foi exonerada por determinação do então presidente do órgão, David Barione, indicado por Jair Bolsonaro.



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
ACIJ.png
laclin.JPG
PATROCÍNIOS
midia-top-2022.gif
bottom of page