PATROCÍNIOS
  • Folha de Jaraguá

Defensoria quer suspensão do corte de água e energia durante quarentena

Grande parte da população encontra-se em situação de confinamento, sobressaindo-se o princípio da dignidade humana’, afirmou defensor. Por isso a Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO) enviou um ofício à Saneago e Enel para tentar garantir que a população de todo o estado, incluindo Jaraguá, tenha água e energia pelos próximos 15 dias.

_

O objetivo é que durante a quarentena geral contra o coronavírus, as empresas não interrompam o fornecimento dos serviços para clientes que estejam com contas atrasadas.

_

De acordo com o defensor público Tiago Bicalho, titular da 5ª Defensoria Pública Especializada de Atendimento Cível da Capital, a iniciativa está ligada ao principio da dignidade humana, uma vez que água e energia são essenciais.

_ “Grande parte da população goiana encontra-se em situação emergencial de confinamento, sobressaindo-se aqui o princípio da dignidade da pessoa humana, um dos fundamentos da República”, disse.


Tanto a Enel quanto a Saneago terão um prazo de 48 horas para dar uma resposta oficial à DPE-GO.




BANNER-SITE-300x600-ANIMADO.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá