• Folha de Jaraguá

Briga por território motiva a morte de suspeito de tráfico em Ceres

28/12/2020 - Um homem morreu, após ser baleado no Setor Conjunto Bernardo Sayão, a vítima foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Ceres, ainda com vida, mas não resistiu. O Delegado, Nelinho José de Almeida, informou que os suspeitos do crime já foram presos pela Polícia Militar. O homicídio aconteceu na Avenida Goiás, por volta das 15h de domingo, 27 de dezembro. De acordo com a polícia, após serem preso os dois suspeitos confessaram o crime, um deles de 18 anos disse que apenas presenciou seu comparsa, de 23 anos, atirando contra a vítima.


Segundo relatos, a vítima, Ronaldo Divino Caetano Júnior, ao ver os autores no local, tentou expulso-los, dizendo que eles estavam invadindo o seu território e que não os queriam por lá. Esse teria sido o motivo da discussão que terminou em morte. Ronaldo Divino teria atingindo o autor dos disparos com uma pedrada na cabeça e também o seu comparsa.


Após a confusão, o atirador foi até a sua casa, pegou uma garrucha de canos e três munições, voltou ao local e efetuou dois tiros atingido a cabeça de Ronaldo Divino Caetano Júnior, 26 anos, depois retirou as cápsulas deflagradas e efetuou um terceiro disparo.


A polícia o autor, disse que havia jogado a arma em um matagal próximo do local do crime, foram feitas buscas, mas a arma não foi encontrada. Com os detidos, os policiais encontraram droga (maconha), R$ 615,00 em dinheiro e um aparelho de celular. Após o flagrante os criminosos, foram conduzidos a Delegacia da Polícia Civil e posteriormente levado para Unidade Prisional.


  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá