• Folha de Jaraguá

Assassino de Corumbá, Wanderson Protácio é encontrado morto em presídio

18/01/2022 (10hs51m) - Wanderson Mota Protácio, 21, foi encontrado morto na cela que ocupava no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia na manhã desta terça-feira (18). Ele foi preso acusado após confessar ter matado a namorada, a enteada e um idoso em Corumbá de Goiás. Óbito foi confirmado pela Diretoria Geral de Administração Penitenciaria (DGAP).


O caseiro Wanderson Mota Protácio, de 21 anos, se entregou à polícia dia 04 dezembro 2021, em Gameleira de Goiás (GO).

Era acusado matar a mulher, Raniere Aranha Figueiró, de 19 anos, grávida de quatro meses, a enteada, Geysa, de 2 anos, e o produtor rural Roberto Clemente de Matos, de 73, crime cometido na zona rural de Corumbá.


O rapaz também teria tentado estuprar e matar a mulher de Roberto, Cristina Nascimento Silva, de 45. Ela foi atingida por um tiro no ombro, fingiu ter morrido e conseguiu ser deixada para trás por Wanderson, que fugiu com a caminhonete do casal.


O homem ainda era investigado por outros dois crimes. Um cometido em 2019, quando teria esfaqueado uma companheira no município de Goianápolis. Ele chegou a ficar preso pelo crime entre dezembro de 2019 e março de 2020, quando recebeu liberdade condicional.


O outro crime teria sido cometido em São Gotardo, município de Minas Gerais, no ano de 2020. No segundo crime documentado, Wanderson teria assassinado um taxista com golpes de facas após roubá-lo na companhia de outros três colegas.



  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
midia-top-2020.gif