• Folha de Jaraguá

Direção do Presídio de Jaraguá nega que haja regalia a preso acusado de matar os pais


O Coordenador da Unidade Prisional de Jaraguá, Manoel Aires Conceição Filho, respondeu na terça-feira, 12, ao repórter Dude Bill, indagações feitas por familiares e pela sociedade quanto ao detento Marcos Silva, autor do assassinato dos pais, José Antônio da Silva e Sirlene Ferreira da Silva ocorrido em outubro de 2017. Muitas pessoas tiram fotos do criminoso sendo acompanhado por agente nas imediações do presídio. Surgiram rumores de que ele estaria tendo regalias. No entanto, em nota, Marcos Aires disse que o preso presta serviços dentro da legalidade. NOTA Como gestor das Unidades Prisionais I e II de Jaraguá gostaria de passar alguns esclarecimentos. O preso Marcos Silva é cela livre da Unidade I (presídio velho) é um detento remunerado pelo Estado de Goiás e exerce atividades como:

1) Limpeza da ADM; 2) Distribuição de alimentação; 3) Faz alimentação para os servidores

É um preso de BOM comportamento e continuará suas atividades na UP. Ele sai externamente da UP para retirada do lixo, mas sempre acompanhado de escolta. Não tendo nenhuma conduta interna que desabone o comportamento do Marcos Silva, este continuará exercendo atividade remunerada no presídio independente do crime cometido.

Manoel Aires Conceição Filho Coordenar da Unidade.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
radar novembro 2020.gif
Webbanner-300-x-600-px-A.gif
Webbanner-300-x-600-px-B.gif
Webbanner-300-x-600-px-C.gif
Webbanner-300-x-600-px-D.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá