PATROCÍNIOS
  • Folha de Jaraguá

Segundo acusado das mortes de Tim e Deoclécio em 2014 em Jaraguá é condenado 35 anos


Ocorreu na quinta-feira, 12, um Júri popular no fórum da comarca de Jaraguá, onde foi condenado há 35 anos 7 meses e 15 dias Valdomiro Oliveira. O condenado está foragido mais mesmo assim foi julgado e condenado. Ele é um dos acusados de assassinar no dia 07 de junho 2014 o agropecuarista de 61 anos, Valter Freitas Machado (TIM) e o moto taxista Deoclécio Timóteo de Amorim (54 anos), covardemente, em uma fazenda nas imediações da Serra de Jaraguá.

Mesmo com a condenação de Valdomiro Oliveira a família da vítima continua acreditando que haja um mandante para esse crime. Em março de 2016, outro acusado pelos crimes, Matheus Henrique Santos foi a júri popular, sendo condenado há 46 anos, 4 meses e 15 dias de prisão. A família Machado chegou a oferecer 50 mil reais em recompensa por informações concretas que levassem a polícia ao mandante.

Na época do primeiro julgamento, Marco Antônio Maia, Delegado Regional da Polícia Civil, chegou a dizer que a policia tinha indícios que Matheus Santos e Valdomiro de Oliveira, foram contratados para assassinar Valter de Feitas e simularam um latrocínio (roubo seguido de morte). Porém até hoje não se chegou a nenhum nome.

#SegundoacusadodasmortesdeTimeDeoclécioem2

01 BANNER-DISPLAY-300x250-06.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá