• Folha de Jaraguá

Mãe de detento é presa com drogas nas partes intimas no presídio de Goianésia


Uma mulher foi presa depois de tentar entrar com 100 gramas de maconha nas partes íntimas na Unidade Prisional de Goianésia. Sorrislândia Bezerra dos Santos, de 45 anos, levava a droga para o filho dela, que está detido na unidade por um homicídio comete em Pernambuco. Como passava por dificuldades, em outubro de 2018, ele resolveu apresentar-se na Delegacia de Polícia de Goianésia e desde então encontra se recolhido na UP.

De acordo com informações da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a suspeita confessou que estava de posse da droga. Ela teria entregado os entorpecentes depois de ser informada que estava sob investigação da Polícia Civil (PC). Após a apreensão, os policiais foram até a residência de Sorrislândia, onde foram encontrados mais 200 gramas de maconha.

Na delegacia, ela afirmou que foi aliciada por detentos a entrar com drogas na unidade prisional para que fossem quitadas dívidas que o filho contraiu para poder sobreviver. A suspeita disse ainda que, depois disso, os presos passaram a ameaçar o filho, caso a mãe não continuasse a cometer o crime.

Sorrislândia foi autuada pelo crime de tráfico de drogas. Se condenada, pode pegar entre cinco e 15 anos de prisão. O filho está preso aguardando julgamento de um crime de homicídio ocorrido em Pernambuco, sendo que após o crime ele fugiu para o Estado de Goiás, se escondendo em Goianésia, onde passou a ficar na condição de foragido da justiça.

Campanha-covid-saude-estado01.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá