• Folha de Jaraguá

Polícia civil de Jaraguá cumpre mandado de prisão em desfavor de Geovane da Schin


No dia 23 de maio 2019, Luana Cristina Gama e Wederson José de Oliveira, vulgo Danilo, foram presos em flagrante pela Polícia Civil pela prática de crime de estelionato praticado na cidade de Jaraguá. Eles já estavam sendo monitorados e, ademais, os policiais civis sabiam que uma terceira pessoa era o responsável por repassar os cheques fraudados utilizados por eles.

As diligências continuaram e, após dias de investigação, os policiais civis comprovaram que Geovane Júlio de Moraes, Vulgo “Geovane da Schin” era o responsável em entregar os cheques fraudados à Luana Cristina e Wederson José para que eles pudessem repassá-los ao mercado causando graves prejuízos econômicos.

Foi pleiteado pela busca e apreensão domiciliar na residência de Geovane da Schin e, ainda, por sua prisão preventiva. Ambos os pedidos foram deferidos. No dia 18 junho de 2019, os policiais civis cumpriram a busca e apreensão, não sendo encontrado nada de ilícito, porém, conseguiram encontrar Geovane e cumprir o mandado de prisão.

Em seu interrogatório, Geovane da Schin confessou ter intermediado a aquisição dos cheques fraudados, os quais foram repassados a Luana Cristina e Wederson José. Agora Geovane está preso a disposição do Poder Judiciário. O Inquérito Policial será finalizado e remetido à justiça.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

© Copyright 2006 - 2021 Folha de Jaraguá