By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá

PATROCÍNIOS
  • Folha de Jaraguá

Triplo homicídio em Rianápolis. Casal de namorados e avó são mortos a tiros


Um casal de namorados e a avó do rapaz foram mortos a tiros em uma casa do setor Vila Sabino em Rianápolis, na terça-feira (5). A Polícia Militar informou que teve uma equipe acionada por pessoas que ouviram trocas de tiros na região, mas que ninguém havia sido preso suspeito do crime.

Uma das vítimas foi identificada como Maria Aparecida Caetano Rosa. Ela era avó do Ancelino Amâncio da Luz, também morto no local. O rapaz namorava Gabryely Cardoso dos Santos Sousa, que foi baleada no local, levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas que morreu a caminho, segundo a PM.O delegado que estava de plantão, Nelinho José Almeida, informou que tudo indica que foi uma execução, já que os autores chegaram, atiraram diversas vezes nas vítimas e fugiram.

“Uma adolescente que estava na casa no momento do crime disse que ouviu a movimentação e se escondeu sob uma das camas da casa. Segundo ela, eram ao menos duas pessoas que chegaram, atiraram e foram embora”, afirmou.

Ainda de acordo com o delegado, testemunhas disseram que os autores chegaram em dois carros sedã escuros. No entanto, os veículos não foram identificados e não há pistas de para onde foram.

“Solicitamos perícia no local e cadavérica que vão nos dar informações sobre como foi a dinâmica do crime e como eles morreram. O delegado que assumir o caso deve determinar outras diligências para determinar autoria do crime”, acrescentou.

O Instituto Médico Legal (IML) de Ceres, também no norte goiano, informou que o corpo de Gabryely foi levado por uma funerária para Jaraguá, enquanto os corpos das outras duas vítimas foram buscados para irem de volta a Rianápolis. (Com informações G1/Goiás)

#TriplohomicídioemRianápolisCasaldenamorados #Rianápolis

GIF-JARAGUA.gif
petro-arabe2-17-8.gif