• Folha de Jaraguá

Polícia investiga elo entre criminosos de Caldas Novas e fuga em Jaraguá

A Polícia Civil já iniciou o trabalho de investigação para apurar ligações criminosas da quadrilha que levou terror à cidade de Caldas Novas no início da semana. A cidade foi o destino escolhido por bandidos que alugaram uma casa e planejaram uma série de assaltos.

O último crime acabou com troca de tiros, três policiais feridos e todos os bandidos mortos. Uma arma pode levar a polícia ao restante dos componentes do bando. A espingarda calibre 12 (AIB30006648) encontrada com os criminosos de Caldas Novas faz parte do patrimônio da Secretaria de Segurança Pública.

Essa é uma das seis armas roubadas durante o resgate de dois presos em Jaraguá em dezembro passado. Outros 13 criminosos aproveitaram a ação que libertou dois presos de grande potencial criminoso e também fugiram.

Toda a ação foi registrada por vídeo do sistema de monitoramento da unidade. Foto divulgação: Imprensa local O delegado que investiga o caso, Ulisses Valentim, disse que três dos criminosos saíram de Anápolis e foram até a cidade de Caldas Novas, onde dois outros bandidos já haviam alugado uma casa.

Os bandidos são vistos em imagens de monitoramento de um supermercado fazendo compras para manter a quadrilha durante um período longo na cidade. A autoridade policial confirmou que a arma é uma das levadas dos agentes penitenciários de Jaraguá.

REGATE

Os criminosos invadiram o presídio e renderam os agentes. Todos foram amarrados e colocados em uma sala, sem as armas da unidade. Quatro revólveres que estavam com os agentes e duas espingardas calibre 12. A Secretaria de Segurança Pública, que administrava as penitenciárias à época, disse que a intenção era o resgate de Ariel Pedroso da Silva, 23, e Roberto Augusto Rodrigues Mendes, 25.

CALDAS NOVAS

Por volta das 21h30 de terça-feira (16), Policiais Militares frustraram um roubo à residência de um ex-vereador no Setor Estância Itanhangá, na Cidade de Caldas Novas. No local, foram recebidos a tiro por cinco indivíduos. Na troca de disparos, três PMs foram feridos. Na sequência, os bandidos fugiram em um VW Fox de cor branca, o qual foi encontrado abandonado nas imediações por equipes do Graer, Bope, Giro e Code, além do GPT da cidade.

Momentos depois, policiais do serviço de inteligência das corporações receberam uma informação de que os indivíduos em fuga se encontravam em uma residência, que era utilizada por eles para planejar crimes e guardar armamentos. De acordo com o tenente-coronel Marcelo Granja, foi quando o comandante-geral da PM determinou que as tropas especializadas fossem de encontro aos indivíduos. Na casa, houve uma nova troca de tiros, que terminou com a morte dos cinco suspeitos.

As equipes de área, do Graer, Bope, Giro, COD, GPT de Caldas realizaram o cerco e entraram na residência e, ao abordar os criminosos, foram recebidos a tiros. No confronto, os suspeitos foram neutralizados. Foi prestado socorro médico aos indivíduos, que não resistiram e morreram”, revela Granja.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS
750x250-1.gif

© Copyright 2006 - 2021 Folha de Jaraguá