• Folha de Jaraguá

Banco do Brasil terá de indenizar cliente que ficou em fila por mais de 2 horas


Uma situação que se repete diariamente nas agências bancárias de Jaraguá, as intermináveis filas de banco, teve mais uma decisão do Tribunal de Justiça de Goiás desfavorável ao sistema financeiro, o que pode refletir em outras decisões no interior do estado. Em Goiânia, o Banco do Brasil terá de indenizar cliente que ficou em fila por mais de 2 horas

O Tribunal de Justiça de Goiás condenou a instituição a pagar indenização por danos morais no valor R$ 3 mil a Zander Luís Oliveira de Queiroz. O cliente teve que permanecer mais de 2 horas na fila aguardando o atendimento.

De acordo com os autos do processo Zander Oliveira chegou à agência às 10h45, mas teria sido atendido somente às 12h50. Segundo o TJGO, o caso aconteceu em dezembro de 2005 na agência localizada na Avenida Goiás. Para que o atendimento nos bancos fosse rápido e eficiente, ações como essa deveriam se multiplicar por todo o estado.

O magistrado responsável pelo caso Fernando Ribeiro Montefusco, do 9º Juizado Especial Cível, ponderou na decisão que o Banco desrespeitou os direitos do cliente.

“Toda evidência acarreta desgaste físico e emocional a qualquer pessoa, não podendo tal fato ser tido como mero percalço do cotidiano”, pontuou.

Com informações Diário da Manhã

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
Campanha-covid-saude-estado01.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá