• Folha de Jaraguá

Discurso da Presidente da Associação dos Deficientes causa mal estar entre vereadores


A Tribuna Livre da Câmara Municipal, na terça-feira, 29 de agosto, foi usada pela presidente da Associação dos Deficientes Físicos de Jaraguá, Leiliane Maria, que segunda ela representa 280 deficientes físicos (cadeirantes). Ela foi pedir ajuda aos vereadores, apoio para conseguir cadeiras de rodas, porque muitos não têm condições de comprar e estão em cadeiras de fio.

Leiliane Maria solicitou que sejam aprovadas leis que garantam a acessibilidade aos cadeirantes e que haja fiscalização para as já existentes. Ela pediu que nas festas públicas como a Exposição Agropecuária seja garantindo um espaço para os cadeirantes possam ver os shows.

A presidente da Associação dos Deficientes Físicos, disse que está tentando conseguir cadeiras de rodas especiais para que alguns deficientes possam praticar esportes, como o basquete. Porém após todas as explanações, duas falas de Leiliane Maria causaram desconforto entre os vereadores, a primeira delas, o fato de ter elogiado Leirso Cordeiro (PSB) que na opinião dela foi o único vereador que deu atenção à associação.

A segunda fala provocou ainda mais irritação nos vereadores, quando ela disse que os vereadores deveriam visitar as pessoas com deficiência, após o período eleitoral. Leiliane Maria pediu para aos vereadores que não deixem para fazer isso somente em 2020. A reação veio já no pequeno expediente, com vereadores reclamando que foram desrespeitados, a choradeira foi geral.

Ao rebater Leiliane Maria, o vereador Odair da Vizzado (Podemos), por exemplo, disse que arrumaria quantas cadeiras fossem necessárias a Associação dos Deficientes Físicos, desde que ele fosse procurado e disse que sempre ajuda os deficientes. Alcion Gonçalves (PP) reclamou que a presidente não conhece a vida dos vereadores, para fazer tal afirmação e que ele ajuda quatro pessoas portadoras de deficiência. “Ajudo até do meu bolso” frisou.

Ao final o vereador, Leirso Cordeiro, incomodado com as reações dos colegas, subiu a tribuna e fez algumas pontuais, afirmando que mesmo sendo ruim receber críticas, elas são necessárias. Ele minimizou as declarações de Leiliane Maria, dizendo que a fala dela sobre os vereadores reflete boa parte do que pensa a opinião pública e que ela tinha o direito de se expressar.

“Parabenizo a Leiliane porque ela teve a coragem de falar na nossa frente, muitos não tem e usam perfis falsos para nos atacar e nos denegrir na internet. Não vejo maldade no que ela falou, nós não sabemos o que ela está passando” concluiu.

EM TEMPO

O Presidente da Câmara, Werlon Coró, ressaltou em seu discurso, que apoiou inclusive a criação da Associação dos Deficientes Físicos de Jaraguá. Leiliane Maria reconheceu a ajuda do setor jurídico da câmara na formatação do estatuto da associação.

Campanha-covid-saude-estado01.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá