PATROCÍNIOS
  • Folha de Jaraguá

MP denuncia clínica de Breno Leite. Médico reage alegando perseguição política de promotor


O Ministério Público instaurou procedimento investigatório contra a Clínica MedFácil, de propriedade do médico Breno Leite, que também é vereador em Jaraguá. De acordo com o Promotor de Justiça, Guiliano Lima, a denúncia corre na 2ª promotoria, que tem como titular, Everaldo Sebastião de Souza que apura a falsificação de documentos junto ao Conselho Regional de Medicina de Goiás para o credenciamento da clínica para atuar como prestadora de serviços ao DETRAN.

O Promotor de Justiça, Guiliano Lima, ressaltou durante entrevista ao repórter Adriano Fernandes (Sucesso FM), que falava sobre o assunto em função das férias do titular da ação, Everaldo Sebastião de Souza e, portanto adiantou poucos detalhes da denúncia,fazendo apenas um resumo.

RESPOSTA

A reportagem procurou o médico Breno Leite e em entrevista ao repórter Adriano Fernandes (Sucesso FM), ele culpou sua sócia pela denúncia apontada pelo MP. “Realmente houve um crime gravíssimo cometido pela minha ex-sócia Patrícia Silene. Quando nós ficamos sabendo dessa falsificação grosseira, ela foi excluída da sociedade. Em depoimento ao ministério público ela assumiu a responsabilidade, afirmando que um despachante fez a documentação, falsificando até mesmo a minha assinatura” disse.

Breno Leite, afirmou que mesmo Patrícia Silene assumindo a culpa, o nome dela foi excluído da denúncia e que ele, que em sua visão seria vítima, continua respondendo a ação. O médico disse que foi apresentada uma nova documentação junto ao CRM-GO e sua clínica está atendendo normalmente dentro da legalidade.

ATAQUE POLÍTICO

Após a defesa técnica explicando, os fatos, o médico Breno Leite, passou para o ataque político contra o promotor de justiça, Guiliano Lima, afirmando que conhecia sua família, citando e fazendo referência aos seus parentes. Em seguida afirmou que a conduta do promotor estaria maculada, porque Giuliano não seria o titular da denúncia e teria deixado para apresentar à ação a imprensa na semana do 1º Encontro da Oposição ao Governo de Goiás, do qual participou o Senador Ronaldo Caiado.

“Ele (Giuliano Silva) é genro do Prefeito de Trindade, Jânio Darrot (PSDB), partido do Marconi Perillo. Ele é, portanto casado com a filha do Jânio Darrot, os filhos deles são netos de um dos maiores contribuintes das campanhas do Marconi Perillo e está apoiando o José Eliton. Então em uma semana que a gente vai fazer um grande evento de oposição, eu presidente do DEM e anfitrião do evento, ele trazer isso (denúncia) pra mídia. Isso deixa a conduta dele (Giuliano) sob forte suspeição” atacou.

Breno Leite disse que não admitirá intimidação, afirmando que tem conduta ilibada. “Estamos fazendo um movimento democrático, debatendo com a sociedade goiana. Por isso que o Senador Ronaldo Caiado, disse que existem sustentáculos do PSDB na justiça Goiana. Isso é uma prova, o genro do Jânio Darrot do PSDB, promotor de Jaraguá, está usando o cargo para fazer uma acusação, sem sequer ter participado das investigações. Isso fere e macula o representante do Ministério Público” disse o médico que chamou o ataque, de manifesto.

#MPdenúnciaclínicadeBrenoLeite #Médicoreagealegandoperseguiçãopolíticadeprom #BrenoLeite #Médico #GuilianoLima #PromotordeJustiça #JânioDarrotPSDB #PrefeitodeTrindade #SenadorRonaldoCaiado

midia02.png
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá