• Folha de Jaraguá

Prefeitura de Jaraguá poderá economizar até 1,8 milhão com nova empresa de coleta de lixo


Foi realizada na segunda-feira, 31 de julho, a licitação para contratação da empresa de limpeza urbana e coleta de lixo da cidade de Jaraguá. Inicialmente 14 empresas apresentaram propostas para gerir o contrato, mas apenas 06 ficaram até o final. O tipo de licitação realizada foi a de menor preço - quando o critério de seleção da proposta mais vantajosa para a Administração determinar que será vencedor, o licitante que apresentar a proposta de acordo com as especificações do edital e ofertar o menor preço.

O teto inicial proposto no edital para iniciar os lances era de acordo com a planilha de resumo de valores de R$ 262.724,59 mensais. As empresas interessadas foram baixando os valores até chegar a R$ 165.000,00, valor proposto pela empresa Brasil Construtora e Serviços Ltda. – ME. De acordo com a chefe do setor de licitações, Sabrinna Lopes de Oliveira Benarrós, a vencedora ainda apresentou uma redução de 5% sobre o valor final, terminando a proposta em R$ 156.800,00.

As demais empresas que participaram da concorrência foram a 2ª colocada, M. Santana Prestadora de Serviços Eireli – ME, 3ª colocada, Forte Limpeza Administração e Serviços Ltda. – ME – 4ª colocada, Brilhante Administração e Serviços Eireli – ME, 5º colocada, Ribeiro Serviços de Limpeza e Conservação Ltda. (com representantes de Jaraguá) e a 6ª colocada foi à empresa Urbana Service Ltda. – ME.

Antes da homologação do contrato, haverá a fase de recursos interpostos pelas empresas derrotadas no certame. Alguns afirmam que vão questionar se o contrato nesse valor é exequível (com capacidade de execução conforme o edital). Dentro da prefeitura, uma pessoa ligada à administração, disse à reportagem que entende que é possível a execução dos serviços sem prejuízo à vencedora, dentro do valor de 156 mil reais.

Em 2016, a empresa Ribeiro Serviços de Limpeza e Conservação Ltda., que realizava o serviço de limpeza urbana, tinha um contrato em que recebia o valor médio de 312 mil reais mensais e um valor anual de R$ 3,7 milhões, isso segundo dados do Tribunal de Contas dos Municípios.

Se for mantida a licitação realizada na segunda-feira, 31 de julho, e empresa vencedora conseguir realizar os serviços previstos em edital a Prefeitura de Jaraguá, irá economizar mais R$ 1,8 milhão de reais se comparado a 2016.

De acordo com dados apurados pela Folha de Jaraguá, a vencedora, a Brasil Construção e Serviços Ltda. – ME, é uma empresa de médio porte com prestação de serviços nos municípios goianos de Rubiataba, Porangatu e Piranhas, além de outros no Estado do Tocantins.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
Campanha-covid-saude-estado01.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá