PATROCÍNIOS
  • Folha de Jaraguá

Sindicato dos Funcionários Públicos de Jaraguá entra na mira do Ministério Público


O Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Jaraguá está na mira do Ministério Público. Foi solicitado através do promotor de justiça, Everaldo Sebastião de Souza, a prestação de contas da entidade que recebeu mais de 500 mil reais de repasses de imposto sindical nos últimos 10 anos. A informação foi confirmada ao repórter Ciro José.

O Ministério Público abriu prazo de 10 dias para que o presidente do sindicato, Helvécio da Mata apresente a documentação pertinente. A denúncia contra a atual diretoria foi levada ao conhecimento do promotor, por funcionários públicos filiados ao sindicato, eles alegam que não conhecem a prestação de contas, tão pouco onde os mais de meio milhão de reais foram aplicados.

Diante da denúncia, Helvécio da Mata, agora terá a oportunidade de esclarecer os fatos e provar que não existem irregularidades. O representante do Ministério Público disse que espera uma prestação de contas detalhada. “Informalmente ele me disse, que parte desse dinheiro foi para as Confederações dos Sindicatos, em nível estadual e federal. E que apenas parte ficou em Jaraguá. Vou aguarda o prazo. Até o momento não podemos falar em desvios, irregularidades ou apropriação. Havendo denúncia, nosso dever é investigar” disse.

CONFIRMADO

Ao repórter Ciro José, o promotor disse que ao menos uma irregularidade foi constada em outro âmbito. “Havia uma servidora da prefeitura trabalhando dentro da sede do sindicato e isso é irregular. Notificamos a prefeitura para fazer o afastamento dessa funcionária. O Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais é uma entidade privada de representação dos servidores e é inconcebível que uma funcionária fique a disposição do sindicato. Isso não pode existir” frisou.

#SindicatodosFuncionáriosPúblicosdeJaraguáent

MIDIA_FOLHA_DE_JARAGUÁ_01.png
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá