• Folha de Jaraguá

5º homicídio: Dois homens encapuzados assassinam Pedro Henrique (o Basilão) na Praça JK


Foi registrado na noite de sexta-feira, 09 de junho, o Quinto homicídio de 2017 em Jaraguá, o assassinato ocorreu na Praça JK, no Gamboa Bar e Restaurante, quando Pedro Henrique da Silva Moreira (Basilão), foi alvejado com vários disparos de arma de fogo, por dois jovens encapuzados que chegaram a pé ao local e atiraram sem dar chances de reação a vítima, que estava de costas, trocando uma lâmpada.

Centenas de pessoas se aglomeraram na Praça JK, enquanto a polícia militar resguardava o local até a chegada o IML (Instituto Médico Legal), que demorou quase 2h. Pedro Henrique (Basilão), já teve passagem pela polícia, mas estava tocando sua vida, havia comprado o Gamboa Bar e Restaurante, e administrativa o empreendimento ao lado de sua esposa.

Ainda não há pistas de quem sejam os autores ou o possível mandante, policiais civis também estiveram no local para iniciar as investigações. Para a polícia, os criminosos que cometeram o assassinato tinham a cobertura logística de outros veículos que estavam nas imediações e as imagens dos sistemas de câmeras da região serão solicitadas.

→ MAPA DA VIOLÊNCIA EM JARAGUÁ ←

O 1º homicídio do ano: Foi registrou no sábado, 14 de janeiro (feminicídio), quando foi encontrada morta no Residencial Olinda, nas imediações setor Morada Nova II, a jovem Amanda Oliveira Marques, 20 anos. Ela foi assassinada com a utilização de tijolos, ficando com o rosto completamente desfigurado, além de estar nua, as roupas estavam rasgadas. O crime foi elucidado com a prisão de Valdison Freitas Moura Neto (20 anos) que confessou o ser autor do assassinato.

O 2º homicídio do ano: Foi registrado na noite de sábado, 01 de abril, por volta das 19h30, no Jardim das Vivendas, região da Vila São José. Foi executado a tiros, o jovem Zenaldo Pereira Lemes, 21 anos. Seu irmão, Zeniel Pereira Lemes, foi alvejado com tiro na perna. Até hoje, o caso ainda não foi elucidado pela polícia civil.

O 3º homicídio do ano: Foi registrou na quarta-feira, 10 de maio, quando morreu no Hospital de Urgências de Anápolis o empresário Luiz Rogério Augusto da Costa, 32 anos, que havia sido baleado na noite de terça-feira, 09, no Genoveva Park, atingida por quatro disparos de arma de fogo. Um dos projéteis acertou a cabeça, entrou e saiu, outro disparo acertou o pescoço e parou no ombro, o terceiro disparo acertou o tórax e o quarto tiro acertou a coluna. O crime ainda não foi elucidado.

O 4º homicídio do ano: Foi registrado no sábado, 13 de maio, durante a madrugada, quando foi morto a pauladas e tijoladas, um andarilho (não identificado), o corpo foi encontrado na Rua Marcelino Álvares, na Vila Isaura, em um beco entre duas residências. A causa da morte foi devido a ciúmes e a disputa por um macarrão Miojo. Foi denunciado pelo crime Jean Aparecido dos Santos, também andarilho, elucidando assim o caso.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
Campanha-covid-saude-estado01.gif
GIF-JARAGUA-ATUALIZADO.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

By R2 Soft - © 2016 Folha de Jaraguá