• Folha de Jaraguá

Brigas e morte de cavalo marcam primeiro final de semana Pré Cavalhadas


Teve início no sábado, 20 de maio, oficialmente as encenações das Cavalhadas, com as Cavalhadinhas. O evento folclórico e religioso deverá movimentar a cidade nas próximas semanas e é motivo de preocupação das autoridades, quanto aos excessos que podem ocorrer. Na semana passada foi assinado um TAC entre o Ministério Público e os Organizadores, com uma série de restrições.

No sábado (20) e domingo 21 de maio, fora do Clube das Cavalhadas ocorreram diversos problemas nas ruas que cercam o evento. Foram registradas diversas brigas, por acerto de contas e excesso de consumo de bebidas alcoólicas. Menores de idade e adultos transitaram normalmente com suas mascaras, sem identificação numérica. O TAC assinado com o Ministério Público previa cadastro e limitava a 100 o número de mascarados.

Em um grupo de whastapp, a Polícia Militar apresentou uma série de mascaras apreendidas, demonstrando que na medida do possível mesmo sem contingente adequado, tentou se cumprir o TAC, embora os mascarados fossem centenas, espalhados pela cidade.

Morte do Cavalo - Outro episódio que chamou a atenção e rendeu muita polêmica, foi à morte de um cavalo, que saiu em disparada batendo em um Chevrolet Kadett, no cruzamento da Rua das Tulipas com a Avenida Solon Batista, no Jardim Ana Edit

h. Uma jovem que estava no animal, ficou gravemente ferida e foi levada para o hospital Sandino de Amorim.

Whastapp - Nas redes sociais a morte do cavalo e os excessos no primeiro final de semana da festa, foram tema de debates entre os doutores em opinião pública, que só sabem criticar a tudo e todos, mas não conseguem apontar uma solução razoável. É importante dizer que não houve nenhum transtorna nas cavalhadinhas. Os problemas se concentraram na Praça JK e adjacências e foram minimizados com a presença da Polícia Militar.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
radar novembro 2020.gif
petro-arabe2-17-8.gif
PATROCÍNIOS

© Copyright 2006 - 2021 Folha de Jaraguá